terça-feira, 19 de março de 2013

"Você deixa-me louco!"

(folo aleatória; "5 para a meia-noite" - RTP 1)

Sentado no bar de um dos principais hotéis de Lisboa, tive por largos momentos “a companhia” de um pseudo-casal de famosos, poucos anos mais novo do que eu.

Foi curioso, para não dizer cómico, notar que por entre temas fúteis e fait-divers, o duo de pombinhos tratava-se por “você”.

Se já me causa bastante estranheza este distanciamento no tratamento entre um casal mais velho, o que dizer de dois jovens que ainda nem atingiram a barreira dos 30? Onde está a paixão, a espontaneidade?

O tratamento recíproco por você numa relação leva-me sempre a pensar…será que se tratam também desta maneira na intimidade?

“Ó querido faça o amor comigo, chame-me nomes”

“Você deixa-me louco, sua doida!”

"Ó querido faça aquela posição que eu gosto tanto"

Além de se perder o lado mais selvagem, soa a dobragem de uma qualquer novela mexicana.

Pode ser que me engane e estes espécimes tenham na verdade uma espécie de botão de "Mode On / Mode Off", ficando o "tutear" reservado para actividades mais escaldantes...

Sem comentários:

Publicar um comentário